Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Frank

Recomendações De Filmes

470 posts neste tópico

Olá a todos,

Tomei a iniciativa de criar um tópico para recomendações de filmes, como já há um tópico relacionado à Leituras Recomendadas senti a necessidade de criar um tópico para aqueles cinéfilos, como eu.

Sinta-se à vontade para recomendar qualquer gênero (ex: terror, suspense, romance, drama etc.) não há restrições.

Apenas recomende e faça um breve comentário, análise sobre o(s) filme(s).

Darei início às recomendações:

" Mente Brilhante (2001) do gênero drama biográfico, conta a vida de um brilhante matemático John Nash de pensamento não convencional , que consegue sucesso em várias áreas da matemática e uma carreira acadêmica respeitável. Após resolver na década de 1950 um problema relacionado à teoria dos jogos, que lhe renderia, em 1994, o Prêmio de Ciências Econômicas em Memória de Alfred Nobel (não confundir com o Prêmio Nobel), Nash se casa com Alicia. Após ser chamado a fazer um trabalho em criptografia para o Governo dos Estados Unidos, Nash passa a ser atormentado por delírios e alucinações. Diagnosticado como esquizofrênico, e após várias internações, ele precisará usar de toda a sua racionalidade para distinguir o real do imaginário e voltar a ter uma vida normal assim como seus amigos."

" Mr. Nobody (2009) filme belga de Ficção-Drama, científico, dirigido por . Mr. Nobody conta a história de vida de Nemo Nobody (Leto) é um homem 118 anos que é último mortal na Terra após a raça humana alcançar a imortalidade. Nemo conta sua história de vida em segmentos através de um jovem repórter e seu psiquiatra. Nemo refere-se a seus três principais amores (Kruger, Polley e Dan Pham) e ao divórcio de seus pais e subseqüentes dificuldades enfrentadas em três momentos principais de sua vida; Nemo com a idade de 9, 16 e 34. O filme utiliza progressão não-linear enredo e interpretação de muitos mundos para contar a história de vida de Nemo."

Fonte: Wikipedia

Espero que gostem da idéia. Agora é com vocês.

Abraços.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

X-Men Origens: Wolverine (X-Men Origins: Wolverine, no original em inglês) é um filme americano de ficção científica, baseado no personagem fictício Wolverine da Marvel Comics. O quarto filme da fraqnuia X-Men a ser rodado, embora o primeiro a focar o passado do personagem Wolverine, foi lançado mundialmente em 1 de maio de 2009. O filme é dirigido por Gavin Hood e apresenta no elenco Hugh Jackman, Liev Schreiber, Danny Huston, Will.i.am, Lynn Collins, Taylor Kitsch, Kevin Durand, Daniel Henney e Ryan Reynolds. O filme funciona como um prelúdio para os três primeiros filmes da franquia, focando-se no passado violento do mutante Wolverine e seu relacionamento com seu meio-irmão Victor Creed. O enredo também detalha os primeiros encontros de Wolverine com o major William Stryker, o seu tempo com a Equipe X, e da ligação do esqueleto de Wolverine com o metal indestrutível adamantium no programa Arma X.

O filme foi filmado na Austrália, Nova Zelândia e Canadá. A produção e a pós-produção foi conturbada, com conflitos surgidos entre o diretor Hood e os executivos da Fox, e uma workprint inacabada que vazou na internet um mês antes da estréia do filme. As críticas de X-Men Origins: Wolverine foram variadas, com críticos considerando o filme e seu roteiro sem inspiração mas louvando a performance de Hugh Jackman. Estreou no topo das bilheterias, arrecadando 179 milhões de dólares nos Estados Unidos e Canadá e mais de 373 milhões de dólares em todo o mundo.

A.I. Artificial Intelligence (br/pt: A.I. - Inteligência Artificial) é um filme de ficção científica de Steven Spielberg lançado em 2001, a partir de um projeto de Stanley Kubrick, sobre a possibilidade da criação de máquinas com sentimentos. O roteiro criado por Spielberg foi baseado em um conto de Brian Aldiss chamado Supertoys Last All Summer Long.

I, Robot (no Brasil, Eu, Robô e em Portugal, Eu, Robot) é um filme futurista americano de Ficção Científica lançado em 16 de Julho de 2004 pela 20th Century Fox. "Eu, Robô" é baseado em uma história de Isaac Asimov, mais precisamente, nas famosas três Leis da Robótica criadas pelo escritor. Nos contos da série, Asimov brincava com as diferentes implicações da lógica das leis, criando situações absurdas e perigosas para os humanos envolvendo os robôs.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Blade Runner

1984

Fahrenheit 451

2001 Uma odisseia no espaço

O Homem Bicentenário

Laranja Mecânica

Metrópolis

AI

O Labirinto do fauno

Forbidden Planet

Dos que eu vi e me lembro agora...

Uelav

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

"Sete Vidas" e "À procura da Felicidade" com Will Smith são ótimos, e se não me engano, histórias verídicas.

"Um Diabo Diferente" é uma comédia legal, apesar dos esteriótipos. Com Adam Sandler e participação do Ozzy Osbourne.

No gênero ação, indico "Vingança entre Assassinos" no qual um padre entra em um jogo de assassinos sem querer e "Chocolate", no qual uma garota autista aprende artes marciais sozinha para se defender.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Um clássico: Bagdad Cafe - 1987 - USA

e Um novo: Medianeras - 2011 - Argentina

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

OS BONS COMPANHEIROS de Martin Scorcese com Robert de Niro e Joe Pesci

GLADIADOR de Ridley Scott (gosto muito do personagem - o imperador Cômodo - e da interpretação de Joaquim Phoenix)

UM DRINK NO INFERNO de Robert Rodriguez com Quentin Tarantino

SUPRESAS DO CORAÇÃO de Lawrence Kasdan (pra quem é romântico e gosta de Meg Ryan)

ESTÔMAGO de Marcos Jorge (imperdível, personagens chaplinianos na sordidez do submundo brasileiro)

JOVEM FRANKSTEIN de Mel Brooks

PRIMAVERA PARA HITLER de Mel Brooks

MARY POPPINS da Disney

entre outros

mas o que mais recomendo é DESAFIO NO BRONX de Robert de Niro com o próprio e Chazz Palminteri. Para mim inesquecível.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Faz tempo que eu não venho aqui.

Bom, minhas recomendações.

Godfather 1 e 2 (o 3 é opcional)

Os Homens que Encaravam Cabras

Os Intocáveis

The Good, the Bad and the Ugly

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Stalin (1992), a história do ditador contado pela sua filha, excelente filme.

Já recomendaram A.I então na mesma linha de ficção científica eu recomendo Minority Report, são filmes que mostram que não importa o quanto a sociedade evolua tecnologicamente, o ser humano é sempre o mesmo.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Melhor não, por questões administrativas, salvo com autorização do Cancian.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

GATTACA - Experiência Genética.

Um grande filme que possibilita refletirmos sobre os impactos éticos de um suposto futuro em que "somos comandados por genes".

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Laranja Mecânica

Rapaz, nem é a primeira pessoa que recomenda esse filme! Não sei como pode, que filme ruim!

Eu e meu irmão mais velho fizemos uma lista de 50 filmes que meu irmão menor tem que assistir de qualquer jeito. Depois vou procurar e posto todos. Mas uma prévia:

Teoria da Conspiração, com Mel Gibson e Julia Roberts;

Inimigo do Estado, com Will Smith;

Duro de Matar, com Bruce Willis;

Star Wars - toda a saga...

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Rapaz, nem é a primeira pessoa que recomenda esse filme! Não sei como pode, que filme ruim!

A vá... tá falando sério? Eu adorei...

Por mais que se tente não é possível mudar ninguém, depois da puberdade. :lol: Essa é a mensagem do filme.

Uelav

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Carla,

Pela lista de filmes que você fez para o seu irmãozinho, dá pra entender porque você não gostou de Laranja Mecânica. São escolas bem diferentes. Para gostar dos filmes do Stanley Kubrick você precisa assisti-los com um olhar mais crítico, são filmes para se assistir pensando, quase como ler um livro. Não dá pra ver em um domingo à tarde, comendo pipoca. Daí, é melhor mesmo ir de Star Wars. Eu acrescentaria também a trilogia Senhor dos Anéis à lista.

Ah, pessoal, um filme que queria recomendar e não lembrava no nome. Agora lembrei: Baraka - 1992 - EUA. É um documentário maravilhoso.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ah, Baraka. Que experiência perturbadora e magnífica!

Baraka é um filme sobre a Vida,

Que abrange os mistérios do Eterno e a epopéia do mundo efêmero...

A noite milenar do cosmos e da terra e o lampejo fugaz da nossa história...

O oceano imenso da nossa ignorância e a pequenina gota do nosso saber...

O enigma do mal e o paradoxo das dores...

A estranha escala de luzes e sombras que forma a vida humana...

A soluçante nostalgia das almas exiladas duma pátria longínqua...

O inextinguível heliotropismo da alma sonhando alvoradas em plena noite...

Tudo isso, vibra, e canta, e chora nas imagens desse filme...

Baraka é o "o fôlego da vida" segundo a tradução literal da palavra Sufi.

Resultado de 7 anos de produção, com fotografia em Todd-AO de 70mm e locações de 24 países, incluindo Brasil.

gosto do clássico Laranja Mecânica mas meu preferido do Stanley Kubrick definitivamente é o Full Metal Jacket

Falando em senhor dos anéis, tenho uma sugestão do Peter Jackson, da época que ainda fazia filmes de orientação mais cult. Se chama Heavenly Creatures, e foi a estréia da Kate Winslet no cinema, sensacional.

eu sou uma baita cinéfila. Preciso saber exatamente o que a pessoa quer antes de recomendar rsrs

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

...eu sou uma baita cinéfila. Preciso saber exatamente o que a pessoa quer antes de recomendar rsrs

Nch, sou mais amigo dos clássicos e cults. Mas, realismo fantástico, science fiction e desenhos também me interessam. Aceito recomendações :-)

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Milagre,

eu não sou o tipo "star wars/julia roberts/ super-herois" de cinéfila rs. sem querer escandalizar, meu gosto geralmente se associa mais com aquilo que eles chamam de "exploitation" ou simplesmente cult..

tenho dificuldades enormes em recomendar assim de cara, preciso saber a personalidade da pessoa antes e coisas do tipo. no meu post anterior fiz duas recomendações. pode ser que futuramente surjam mais ideias. lembrarei de vc ;p

Carla,

tô ansiosa aguardando a lista rs

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

...eu não sou o tipo "star wars/julia roberts/ super-herois" de cinéfila rs. sem querer escandalizar...

Hehe, não imaginei isso não. Captei indícios de a que escola você pertence pelas suas duas recomendações acima.

Quanto a júlia roberts e super-heróis, estamos em sintonia. Agora, sobre star wars, é preciso dar um desconto pra minha geração. Quando a gente era jovem os efeitos especiais do George Lucas, com suas espadas de lâmpadas fluorecentes, suas criaturas exóticas e suas sagas heróicas foi marcante. A gente desenvolveu todo um carinho pela história.

Por falar em super-heróis, me lembrei de um filme legal: Anti-herói Americano (American Splendor) - 2003 - EUA, que é muito legal :-)

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Seus hereges, X-Men 2 e O Cavaleiro Das Trevas são filmaços. :lol:

1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Lightman falou tudo. É verdade, esse filmes meio cult me dão sono. Eu gosto de Super heróis e Demônios, aliás, recomendo A Profecia 1,2 e 3, O exorcista, O exorcimos de Emily Rose, e por aí vai...

Nitch, ainda não achei a lista, mas eu vou procurar melhor no final de semana.

Outro que não pode faltar é Silêncio dos Inocentes! É muito legal!

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

X-Men é legal! Não dá pra chamá-los de super-heróis. Eles estão em outro nível. Principalmente o I, II e III. Aquele novo, First Class, degringolou.

O Silêncio dos Inocentes dispensa comentários. Já é um clássico.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu amo O Exorcista. adoro mais ainda o caráter transgressivo e sensacionalista do filme, para a época. Depois desse clássico todos esses outros filminhos sobre exorcismo viraram uma chatisse, com hiperprevisibilidade e cliches intermináveis. Aliás isso é um fenômeno muito comum no cinema de terror. A respeito do filme O Exorcismo de Emily Rose, só achei interessante para saber sobre a história real em que o filme foi baseado.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Nch, sou mais amigo dos clássicos e cults. Mas, realismo fantástico, science fiction e desenhos também me interessam. Aceito recomendações :-)

Massa, meu gosto é relativamente semelhante ao seu, embora ultimamente tenho me rendido a assistir essas merdas excretadas pelas empresas cinematográficas que tem mero objetivo comercial. Olha cara, vira e mexe sai uns filmes bons, te recomendarei três:

"Ilha do Medo" do mestre Marin Scorsese e seu "filho" Leonardo DiCaprio, Suspense. Com intensas referências, Scorsese parece jogar várias pistas falsas para interpretação do espectador, realmente intriga, defino-o como filme-delírio, onde alucinações, delírios e fatos reais se misturam homogeneamente, seria então "um jogo de espelhos". Lindos cenários e enredo instigante faz desse filme um bom filme. Segue o trailer:

Trailer

"A Origem (Inception) (2010)" por Christopher Nolan, é um filme de Ficção científica, Suspense.Como sempre, criativo, Chris N. faz bem outra vez como muitas outras vezes já feitas, não posso deixar de citar Amnésia, excelente filme. Com Inception Chris N. explora o mundo onírico - você sabe o que são sonhos lúcidos ? -, isso gera um intercalar entre o 'real' do 'imaginário', com brilhante parte visual: fotografia, efeitos especiais. Realmente muito bom filme, vem em minha mente alguns filmes com "explorações" semelhantes como Vanilla Sky ou até mesmo o clássico Matrix (Mundos paralelos). Bem recomendado.

Trailer

Como você gosta de desenhos, aliás, você gosta de animes ? bom, recomendarei assim mesmo, este é o "Paprika(2006)" filme japonês de ficção científica. Se você ver Inception primeiro, você vai ver várias semelhanças, até chega a parecer um plágio por parte do Christopher N. Muito bom filme.

Trailer

Espero que goste,

Abraço.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Eu amo O Exorcista. adoro mais ainda o caráter transgressivo e sensacionalista do filme, para a época. Depois desse clássico todos esses outros filminhos sobre exorcismo viraram uma chatisse, com hiperprevisibilidade e cliches intermináveis. Aliás isso é um fenômeno muito comum no cinema de terror. A respeito do filme O Exorcismo de Emily Rose, só achei interessante para saber sobre a história real em que o filme foi baseado.

Não sobre o caráter transressivo e sensacionalista, hehehe... mas o resto eu concordo com tudo! Nunca mais apareceu um filme de possessão viraram besteira. Também concordo que é o que acontece com o terror em geral, mas os clássicos vão ser sempre lembrados, como O grito e O Chamado. A Professia é sobre o filho do diabo, é legal pra caramba. Já sobre Emily Rose, o legal é ver como eles conseguem fazer uma história interessante (e acima de tudo fantasiosa) em cima de um caso real. Ficou legal.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

De Martin Scorsese não se pode esquecer de CASSINO com De Niro, novamente Joe Pesci, e a Sharon Stone. A trilha sonora é espetacular. Já a ILHA DO MEDO acho que não está entre seus melhores filmes mas também te prende até o final. Pode-se considerar também um trailer o diálogo abaixo - um dos que achei digno de nota - no carro entre o personagem do Di Caprio e o chefão da ilha hospício que o encontrou vagando na estrada no dia seguinte após uma violenta tempestade e lhe deu carona :

- Aí está você. Queríamos saber quando apareceria. Sente-se, vamos. Estava passeando para relaxar?

- Só estava dando uma olhada por aí.

- Gostou do último presente de deus?

- O quê ?

- O presente de Deus. A violência. Quando desci e vi uma árvore na minha sala parecia a mão divina em minha direção. Deus ama a violência.

- Não tinha percebido.

- Claro que tinha. Por que então haveria tanta violência ? Está em nós. É o que somos. Travamos guerras, oferecemos sacrifícios. E rasgamos a carne de nosso irmão. E por quê? Deus nos deu a violência para lutarmos em sua honra.

- Achava que deus nos tinha dado uma ordem moral.

- Há ordem moral mais pura que essa tempestade ? Não existe ordem moral. Só existe isso: minha violência domina a sua ?

- Não sou violento.

- É sim. Você é muito violento. Eu sei, porque eu sou muito violento. Sem as regras da sociedade, se só restasse nós dois no mundo, você abriria meu crânio com uma pedra e comeria o que pudesse. Não é ? O Cowley o acha inofensivo, mas penso diferente.

- Não me conhece.

- Conheço sim. Conheço você. Nos conhecemos a séculos. Se tivesse que cravar o dente no seu olho agora conseguiria me impedir antes de o cegar ?

- Tente.

- Esse é o espírito da coisa.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites