Brancaleone J

Senhores e Senhoras, uma solução por favor...

196 posts neste tópico

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pô, Brancaleone, põe um vídeo mais explicativo:

 

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

É só um exemplo. Já teve caso pior, como daquele menino que ao ficar preso pelo cinto de segurança foi arrastado pelo bandidos...

A questão é que a violência está ai e vencendo. Parte desta vitória da bandidagem  decorre de leis descaradamente pró-bandidos. Outra parte vem mesmo dum papinho filha da puta onde os bandidos são "vítimas sociais" com quase que direito de serem bandidos. Outra parte ainda vem da bondade das leis e do ativismo imbecil de gente que acha que bandido tem direito como gente normal...

Quem ataca a sociedade deixa de fazer parte dela e não pode ter a proteção dela. É inimigo é  inimigo e merece outros tipos de tratamentos.

 

Enquanto isso, a bandidagem vai bem.

 

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A solução: o pai investiga e descobre quem foram os bandidos, pega um por um de emboscada, tortura, da pior maneira possível, por uma ou duas semanas (se precisar administra soro e faz transfusão de sangue para o meliante não morrer). Depois, quando estiver satisfeito, dissolve o corpo dos crápúlas em ácido e joga num rio poluído qualquer. 

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Pode ter a mais absoluta certeza que este pai será escrachado, denunciado, exposto e tratado como o mais miserável dos humanos e certamente perderá o emprego,  os "sou da paz" da vida vão fazer manifestações, jovens cantarão "imagine" em frente a casa da mãe do bandido...

Policiais dirão que quem tem que prender é eles. Juízes dirão que quem condena são eles e que s sociedade deve confiar na justiça.

Estamos ouvindo isso a uns 50 anos ou mais.

Acho que tribunais populares, em praça pública, ratificados por um Juiz seria um bom começo. As execuções por enforcamento poderiam por exemplo abrir jogos de futebol: canta-se o Hino Nacional, enforca-se uns dez e ai começa o jogo...

Tá na hora de reação. Qualquer uma.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A minha opinião é bem simples:

Pena de corte JÁ!!! Não é já, é pra anteontem ...

Maldito direito dos manos. :angry:

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Vou ser o advogado de defesa dos queridões que são vitimas da sociedade (é uma brincadeira espero não ser ''crucificado'')

Um garoto de posição social desfavorecida... sua infância foi perdida pois tinha que trabalhar (lavando carros, catando lixo, ''entregando pacotes'', etc...). Na escola aprendeu que pessoas que tem mais dinheiro que ele são malvadas, pois ficaram ricas explorando pessoas da classe social dele. Então no caminho da escola para casa ele é abordado por um rapaz com um discurso parecido com o do professor(a), esse mesmo rapaz faz uma oferta, dinheiro, carros, garotas... isto é oferecido sem muito esforço em troca. O rapaz que fez a tal oferta, é sorridente, tem uma cruz tatuada em seu peito, é cheio de amigos e faz sempre muitas festas, logo, o garoto quer ser como ele.

Ele está nesta vida de entregador de pacotes já faz alguns meses, mas agora ele não só entrega pacotes, como também os compra para consumo próprio, por diversos fatores, ele não entende nada de matemática financeira, logo, fica endividado e precisa de uma renda extra. Sua visão empreendedora destorcida, pensa em assaltar pessoas na rua, somado ao subconsciente alertando-o da impunidade, temos mais uma vitima da sociedade.

Para ser advogado de vagabundo precisa fazer direito? Estou pensando na carreira parece bem promissora aqui no Brasil.:P

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
16 minutos atrás, Max Delacroy disse:

Não te esqueça de apresentar as provas

Se em uma audiência eu me esquecer das provas posso alegar que sou cristão.

1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Não seria melhor ter matado esse desgraçado antes que ele viesse a se transformar no imundo que é?

crianca-siria.jpg

kGBlUEs.jpgprecrime1.jpg

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Hmm.... É algo complexo, concordo o sistema judiciario e prisional tem que ser reformado, e também tem que haver melhorias na educação e qualidade de vida. 

 

Putz eu tinha que responder um tópico tão complexo, bem é melhor eu ficar calado né? 

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
18 minutos atrás, Gomes disse:

Se em uma audiência eu me esquecer das provas posso alegar que sou cristão.

Hehe, boa sacada. Ninguém melhor que um cristão para alegar fatos sem apresentar provas.:D

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Aliás, sobre o tema "legalização da pena de morte", assistir com atenção aqui:

 

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Ok,

Vamos tornar a conversa mais interessante:

Quais os direitos do cidadão então?

Hoje fico pouco por aqui. Tá uma trabalheira  por conta dumas mudanças.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
2 horas atrás, Gomes disse:

Um garoto de posição social desfavorecida... sua infância foi perdida pois tinha que trabalhar (lavando carros, catando lixo, ''entregando pacotes'', etc...). Na escola aprendeu que pessoas que tem mais dinheiro que ele são malvadas, pois ficaram ricas explorando pessoas da classe social dele. Então no caminho da escola para casa ele é abordado por um rapaz com um discurso parecido com o do professor(a), esse mesmo rapaz faz uma oferta, dinheiro, carros, garotas... isto é oferecido sem muito esforço em troca. O rapaz que fez a tal oferta, é sorridente, tem uma cruz tatuada em seu peito, é cheio de amigos e faz sempre muitas festas, logo, o garoto quer ser como ele.

Ele está nesta vida de entregador de pacotes já faz alguns meses, mas agora ele não só entrega pacotes, como também os compra para consumo próprio, por diversos fatores, ele não entende nada de matemática financeira, logo, fica endividado e precisa de uma renda extra. Sua visão empreendedora destorcida, pensa em assaltar pessoas na rua, somado ao subconsciente alertando-o da impunidade, temos mais uma vitima da sociedade.

De fato, mas há 2 questões aí:

1 - Bandidos não necessariamente passaram por essas dificuldades na vida. Muitos são até de classe média alta, e por aí vai... 

2 - Imagine que sim, que o agora bandido passou por todas essas dificuldades; mas o amiguinho dele passou pelas mesmas coisas e não seguiu no crime. 

A meu ver, a questão envolve a constituição psíquica/fisiológica (índole). Novamente, a interação do meio com a genética nos definindo.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
56 minutos atrás, Stan disse:

De fato, mas há 2 questões aí:

1 - Bandidos não necessariamente passaram por essas dificuldades na vida. Muitos são até de classe média alta, e por aí vai... 

2 - Imagine que sim, que o agora bandido passou por todas essas dificuldades; mas o amiguinho dele passou pelas mesmas coisas e não seguiu no crime. 

A meu ver, a questão envolve a constituição psíquica/fisiológica (índole). Novamente, a interação do meio com a genética nos definindo.

Bandido que veio da classe média alta? onde que você viu isso?

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Atik Yomin disse:

Aliás, sobre o tema "legalização da pena de morte", assistir com atenção aqui:

 

Bom o vídeo, dificilmente assisto videos por aqui, principalmente se for acima de 5 minutos porque gosto de eu mesmo procurar videos do meu interesse e não aceitar sugestões alheias, mas o video é bom.

Agora eu gostaria que alguém postasse um video de opinião contrária, ou seja, bandido bom é bandido morto sim.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 hora atrás, Brancaleone J disse:

Quais os direitos do cidadão então?

Tá na Constituição, oras :rolleyes:

http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade [...]

Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o transporte, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição.

 

Se são cumpridos ou não, já é outra questão. Não caiamos na falácia (de alface :)) "na teoria é uma coisa, na prática é outra". Vamos mudar a prática pra encaixar na teoria, oras.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
19 horas atrás, Brancaleone J disse:

Outra parte vem mesmo dum papinho filha da puta onde os bandidos são "vítimas sociais" com quase que direito de serem bandidos

Não quero desvirtuar o seu tópico, mas é público e notório que nas nações de melhor welfare state, a criminalidade é infinitamente menor. Se os bandidos brasileiros são vítimas ou não de um sistema corrupto, desgraçado e profundamente desumano, além de extremamente cínico e cara de pau, podemos até discutir para tentarmos concluir de tipo de forma podemos torturar, matar e eliminar esses bandidos, mas o fato é que os números não mentem. A gente admitir que a bandidagem absurda que existe no Brasil se deve a merda de sociedade que somos, não nos faz sermos defensores de bandidos. Uma coisa não tem nada a ver com a outra. Eu pessoalmente acho que a bandidagem tem que se fuder mesmo, mas tenho plena convicção que mesmo com pena de morte, pena perpétua ou qualquer outra pena severa, a bandidagem continuará brotando mais e mais nos 4 cantos do país enquanto formos um país de bandidos, quadrilheiros e malandrões. É condição sine qua non.  

1

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
22 minutos atrás, Max Delacroy disse:

Agora eu gostaria que alguém postasse um video de opinião contrária, ou seja, bandido bom é bandido morto sim.

A melhor "opinião contrária" que achei foi esta:

 

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Bandido bom é bandido morto sim, mas há que se tomar muito (mas muito mesmo) com a definição de bandido, senão .....

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
20 minutos atrás, edsonrsg disse:

Bandido bom é bandido morto sim, mas há que se tomar muito (mas muito mesmo) com a definição de bandido, senão .....

Bandido é quem infringe a lei. Ponto. Sem semântica freestyle, por favor. Desde o serial killer até quem baixa um programa pirata pela internete. Já vá entrando na fila de execução...

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
19 minutos atrás, Atik Yomin disse:

A melhor "opinião contrária" que achei foi esta:

 

Pra mim esse negócio de que cadeia é lugar de recuperação é papo furado, em nenhum país eu vejo isso, tem que chegar na pessoa antes que ela se desvirtue, dar mais acesso a qualificação profissional para pessoas mais carentes, aumentar a segurança e implantar punições mais severas, e todos esses problemas se resumem a incompetência do estado.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!


Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.


Entrar Agora