Sisiphus

Membro
  • Total de itens

    1.327
  • Registro em

  • Última visita

  • Days Won

    10

Sisiphus last won the day on April 5

Sisiphus had the most liked content!

Reputação

108 Excellent

1 Seguidor

Sobre Sisiphus

  • Rank
    insane
  • Data de Nascimento

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    Portugal
  • Interests
    Livralhada, alteres, natureza e heavy metal
  1. Estou a começar a ficar enfastiado das almas doentias que por aqui aparecem a ensombrar os outros; pelo que seguindo o meu código de valores que me estatuí que devo fugir de tudo que é tóxico para a alegria que se pode encontrar na existência, vou abandonar o forum e recolher-me na minha montanha. Sandre, Lonewolf, Russell, Brancaleone, Lightman, foi um prazer ler os vossos comentários. Bem hajam!
  2. São os seus problemas de saude/velhice que fazem com que você seja tão azedo ou é apenas defeito de nascença?
  3. O seu problema é que nem aqui sabe sair do papel de "professor pedante" que encarnou lá fora.
  4. O Chuck tem mais virilidade num único pelo do bigode do que você em todas as suas reencarnações.
  5. O certo é que os big tomahawks puseram a Europa toda húmida.
  6. Stan, você tem a certeza que você não é mesmo uma mulher?
  7. Será que esta beliscadela do Trump nos protegidos do Putin, não é uma encenação para que os saloios americanos fiquem a pensar que afinal o Trump não foi "patrocinado" pelo Putin?
  8. Já o tinha lido há uns anos atrás sendo que o encaminhei prontamente para o caixote do lixo.
  9. Em 1980, o uso de armas incendiárias (tais como o Napalm) contra civis foi proibido pelo Protocolo III da "Convenção sobre Proibições e Restrições ao Uso de Certas Armas Convencionais que Podem Ser Consideradas como Excessivamente Lesivas ou Geradoras de Efeitos Indiscriminados" (Convenção da ONU sobre Armas Convencionais). Entretanto, a Convenção não proíbe o uso de tais armas contra objetivos militares, desde que observadas precauções com vistas a evitar danos colaterais em populações ou bens civis.
  10. Conseguem descobrir onde está o FernandoVCA ?
  11. https://pt.wikipedia.org/wiki/Anarquismo_filosófico Anarquismo filosófico é uma escola de pensamento anarquista[1], que alega que o Governo não possui legitimidade moral e, em contraste com o anarquismo revolucionário, não defende uma revolução violenta para eliminá-lo, mas defende a evolução pacífica para superá-lo.[2] Embora o anarquismo filosófico não implique necessariamente qualquer ação de eliminação do Governo, os anarquistas filosóficos não acreditam que têm a obrigação ou o dever de obedecê-lo, ou, inversamente, que o Governo tem o direito de comandar. Anarquistas filosóficos podem aceitar a existência de um Estado mínimo com desagrado, e geralmente como um temporário "mal necessário", mas argumentam que os cidadãos não têm a obrigação moral de obedecer ao Estado quando as leis entram em conflito com as liberdades individuais.[7] Tal como concebido por William Godwin, que exige que as pessoas ajam em conformidade com seus próprios juízos e permitam a mesma liberdade a todos os outros indivíduos; concebida egoisticamente por Max Stirner, que implica que "O Único", que verdadeiramente "pertence a si mesmo" não reconhece direitos aos outros; dentro dos limites do seu poder, ele faz o que é certo para ele.[8] Ao invés de pegar em armas para derrubar o Estado, os anarquistas filosóficos "tem trabalhado por uma mudança gradual para libertar o indivíduo do que eles pensam ser leis opressivas e restrições sociais do Estado moderno e permitir a todos os indivíduos se auto-determinarem."[9] Eles podem opor-se à supressão imediata do Estado por meios violentos com a preocupação de que a mudança rápida poderia criar um estado mais opressivo. Isto é especialmente verdadeiro entre os anarquistas que consideram a violência e o Estado como sinônimos, ou que consideram contraproducente quando a reação pública à violência resulta na aplicação de uma "lei de coação".
  12. Quando você tinha sua empresa, distribuia os seus lucros de forma equitativa entre si e os seus trabalhadores?
  13. É a "vida autêntica".
  14. Não vão conseguir; vocês têm demasiada areia na engrenagem, sobretudo crentes e esquerdopatas. Só o conseguiriam com uma mudança radical na estrutura mental da população, nomeadamente com um ensino que criasse nas mentalidades uma forte ambição materialista e espírito empreendedor (ou seja, tal como o Sandre referiu, o que se passa hoje em dia nos paises asiáticos).
  15. Eu acho que esse tal de Sisiphus estava com o pressentimento que a qualquer altura o Hated-egger iria irromper por ali a dentro, ao volante de um camião-suicida, gritando "morram" todos!!!