Russell

Membro
  • Total de itens

    6.061
  • Registro em

  • Última visita

  • Days Won

    91

Russell last won the day on October 29

Russell had the most liked content!

Reputação

1.720 Excellent

Sobre Russell

  • Rank
    Comandante de fogão e máquina de lavar
  • Data de Nascimento 26-05-1965

Contact Methods

  • MSN
    ric_rush@hotmail.com
  • Website URL
    http://
  • ICQ
    0

Profile Information

  • Gender
    Male
  • Location
    Paraiso
  • Interests
    A prioridade é a música, o resto vem depois...

Últimos Visitantes

15.506 visualizações
  1. Por que o vídeo termina justamente na “conclusão” das premissas mas não dá sequência para usar as próprias premissas ao tal deus que elas (as premissas) concluíram? Por que os crentes sempre consideram que essas premissas não se aplicam ao deus que eles acreditam? Isso realmente é muito curioso.
  2. “Direito adquirido” sagrado e intocável é uma das coisas mais absurdas para quem defende uma sociedade libertária e sem privilégios. Eu não sou tão liberal (libertário) como o Milagre mas sou absolutamente contra as regras atuais de estabilidades de emprego e aposentadorias diferenciadas, por exemplo. O post do Helmer está correto ao tratar do tal direito adquirido..
  3. E olha que isso aí não representa nem 1/4 das grandes merdas que ele já falou.
  4. Acho que essa luta aí por banheiros mistos não deve passar de meia dúzia de militontos, não acho que tenha a vontade de uma maioria.
  5. Mas esse Stan é um gay mala mesmo, mudou de nick para @Membro Fantasma e não avisou. Demorei muito tempo pra sacar
  6. Me desculpe, apesar das nossas diferenças em alguns pensamentos e de algumas brincadeiras, você sabe que respeito a sua postura honesta e "pé-no-chão" que sempre demonstrou ter nas suas postagens, mas pessoalmente acho que isso não tem muito a ver com ateísmo de fato.
  7. Denis, meu brother, num entendi a correlação
  8. @Brancaleone J, longe de mim "advogar" para lunáticos como este crente, mas você é um cara ateu ou apenas tem "raiva" de deus? Estranhei sua narrativa sobre o porque vc é ateu. Eu penso que as pessoas céticas que são ateias assim o são por total falta de evidências. Alegar que um deus que criou o universo e os seres humanos e depois os abandonou a própria sorte é o motivo do seu ateísmo é deveras estranho .
  9. Isso mesmo, Carla. Mas em contrapartida a isso, o curioso é que a base da democracia é a aprovação da maioria, e quando a maioria é idiota a gente já sabe o resultado rsrsrs. Me desculpe, @Jaspion no Brasil, não quero desvirtuar seu tópico, mas o comentário dela me fez pensar em como o "apelo à multidão" pode ter um lado nocivo bem maior do que crenças nonsenses.
  10. Poxa, Helmer, eu nunca soube desses detalhes e realmente deve ter sido uma barra pesada mesmo para o ator. Se bem que ainda acho que ele tinha algum problema pré-existente desconhecido e o acontecimento foi um agravante.
  11. Acho que o compreendi dessa vez, Ypatia. Eu também não entendo porque homossexuais desejam frequentar espaços cristãos. Mas enfim ... Sobre a morte do hilário e engraçadíssimo ator Lafond, penso como o colega Jaspion sobre uma doença cardíaca que provavelmente já existia de forma desconhecida.
  12. Burro sou que só agora vi que o Membro Fantasma é o Stan Taqueospariu kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
  13. É a arma mais poderosa do mundo
  14. Uma vez numa discussão sobre o feminismo (num tópico mais antigo) eu e mais alguns participantes mediante muita confusão com o termo, chegamos a um "acordo de comadres" que o feminismo primário e original seria aquele que surgiu com o único objetivo de combater o escroto machismo e lutar por equiparação dos direitos entre os gêneros. Chama-lo de verdadeiro usando apenas essas características equivale a combinar as regras do jogo de canastra antes de iniciá-lo (quem será o coringa, se vale ou não canastra suja, se vale trinca, etc), portanto não vejo problemas, nada de falácia do escocês nisso. Mas certamente sabemos que dos anos 60 pra cá muita coisa mudou e qualquer outra "roupagem" utilizando o feminismo primário com objetivos além dos citados no negrito acima, para mim está fora do escopo do movimento o qual sempre apoiei e defendi. Não vejo esquerdopatia da minha parte por pensar assim. Qualquer linha feminista atual que se enverede por caminhos em busca de privilégios, como vc citou em outra ocasião, não tem meu reconhecimento e sequer minha atenção. Faço isso em muitos outros assuntos que ao longo do tempo ou dos acontecimentos tergiversaram de seus princípios ordinários e acabaram por englobar idiotices e aberrações às suas supostas conceituações. Por exemplo, sempre apoiei a esquerda mas não por isso irei compactuar com algumas esdrúxulas atitudes advindas da esquerda atual. Há vários exemplos onde fica fácil claro que não há a necessidade de se compactuar integralmente com uma ideia, pensamento, pessoa, movimento ou gestão, e é esse compactuar cego e integral que tornaria a pessoa à tal esquerdopatia ou direitopatia que vcs tanto gostam de falar. Na verdade temos visto muito hoje em dia o quão as pessoas se sentem presas a uma linha específica qualquer e por medo de serem criticadas ou excluídas pelo mainstream dessa linha, acabam por comprar uma espécie de pacote completo. Isso nunca me pegou e nunca me pegará. Mas, e sempre tem um mas, há coisas que estão fora desse escopo, dessa baboseira de esquerdalha ou direitalha, independem das opiniões do titio Russel, do titio Milagre ou seja lá quem for, e o racismo e os preconceitos gratuitos estão entre eles, tanto que felizmente com o amadurecimento da nossa civilidade como sociedade organizada, tais coisas viraram até crime. Portanto as pessoas que nos dias atuais falam em "superioridade masculina" ou "inferioridade feminina" e associam coisas ruins do comportamento humano à coisas de "gente preta", são apenas idiotas mesmo independente de "lados". Aliás eu nem sei como e porque assuntos como este caem para o viés político.