O Escritor

Membro
  • Total de itens

    4
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

0 Neutral

Sobre O Escritor

  • Rank
    curioso
  • Data de Nascimento
  1. Vou pesquisar pra ver que filme é esse e ver como a construção passou. Existem histórias e filmes em que vampiros têm origem bíblica, mas em geral, a parte bíblia é tratada de maneira muito rasa e despreocupada. :/
  2. Como você faz pra definir que discussão é útil, ou inútil?
  3. A ideia é realmente lidar com vampiros, através dos livros da bíblia, usando referências como a embriaguez de noé, a oferenda da carne e sangue de jesus como purificação, a imortalidade de vampiros como uma regressão a um estado anterior ao pecado original, sendo assim, vampiros mais próximos de Deus do que os humanos. A parte inicial pra definir o arquétipo vampírico da minha história está mais ou menos definido, mas ainda há muitas coisas que quero acrescentar. Quero construir uma história que analisada com toda a abstração que a bíblia exige, seja de difícil contestação. Escritos heréticos, ao ver da Igreja, mas que são completamente justificáveis, ou em grande parte, pelos próprios escritos bíblicos. Minha ideia aos 13 anos era justamente a de que, Deus é tão, ou até menos, possível que qualquer criatura mitológica, visto que as qualidades inerentes à divindade são muito mais improváveis que força inumana e imortalidade. Nesse exato momento estou estudando um documentário sobre o anticristo com uma bíblia aberta. A história envolve toda a linhagem de caim como vampiros, o que em si não é original, no entanto, Noé, Jesus, e outros também, fruto das coincidências entre as linhagens de set e caim, que a primeira instância são apenas dois grandes nomes em comum, mas utilizo da genealogia e cronologia dos patriarcas de maneira a justificar "mudanças de lado". A história deve se construir em torno de um protagonista, vampiro, que acaba por se envolver com seitas que buscam o retorno de Jesus, mas a história se desenvolve até o embate com o anticristo, bem como deve ser relatado todo o período pré-dilúvio, dentro de uma sociedade dominada por vampiros. Mas como citei antes, busco ter algo muito próximo da perfeição, para tornar minha ficção quase crível, não com o objetivo de se tornar uma nova religião, mas expor as partes sombrias da bíblia, bem como mostrar a subjetividade em seu texto. Isso requer tempo, estudo, e conhecimento que dificilmente uma pessoa sozinha consegue juntar em um tempo razoável, por isso busco ajuda.
  4. Há dez anos eu tomei pra mim que a ideia de Deus não seria menos aberrante que a ideia de que qualquer outro ser mitológico, de duendes a vampiros, pois bem, decidi mostrar isso. Comecei uma pesquisa e estudo dos textos bíblicos com a intenção de escrever um romance vampírico, e minha surpresa foi que casava muito bem, conhecendo as descendências de Set e Caim, o mito de Noé e outros fatores, vi várias coisas que me ajudariam a fazer da minha história algo com base(nas escrituras). Na época eu tinha 13 anos e acabei abandonando o projeto, mas resolvi retomá-lo, por isso gostaria da ajuda de pessoas que tenham profundo conhecimento bíblico para me ajudar, visto que fiquei muito pra trás, imagino que aqui eu encontre pessoas que possam me auxiliar.